facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Clique e Receba os nossos Destaques no seu Email.

Subscreva a Newsletter e receba os nossos destaques no seu email.

Noticias

Maioria dos pensionistas vai receber menos em janeiro

Com os duodécimos do subsídio de Natal pagos a 50%, o rendimento mensal dos pensionistas vai ser menor. A outra metade do bolo será paga em dezembro.

seguranca social 2

Noticia completa aqui.

in TSF | 04-01-2017

 

Também com interesse
Governo dá poderes inéditos ao Banco de Portugal para avaliar banqueiros
O Banco de Portugal tem reclamado mais poderes e o Governo vai dar-lhe mais poder de intervenção nos bancos e maior capacidade para recusar autorização a gestores na banca. Prescrições e multas sobem.
Militares só vão poder sair das Forças Armadas após 40 anos de serviço
Os militares que tenham menos de 20 anos de serviço, quando o novo Estatuto entrar em vigor, só poderão deixar as Forças Armadas após 40 anos de tempo de serviço e não metade, como até agora.
 Há menos jovens internados em centros educativos
O número de jovens internados em centros educativos era, no final de dezembro, de 251, o valor mais baixo dos últimos dois anos, segundo a Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP).
Governo prepara pensões mais favoráveis para longas carreiras
Vieira da Silva comprometeu-se a preparar ao longo deste ano regras mais favoráveis para pessoas com longas carreiras contributivas. Alterações ao nível do factor de sustentabilidade são mais complexas.
Não foi possível comparar desempenho da justiça portuguesa com parceiros europeus
Principais indicadores nacionais desapareceram do mais recente Painel de Avaliação da Justiça na União Europeia, devido a “constrangimentos técnicos”.
Ministra da Justiça defende despenalização do uso de drogas leves
A ministra da Justiça, Paula Teixeira da Cruz, afirmou no sábado, que concorda com a despenalização do uso de drogas leves, para que "não haja criminalidade altamente organizada e branqueamento de capitais".
Salvaguarda no IRS: Até 2017 aplica-se o imposto mais favorável ao contribuinte
Para impedir que as famílias fiquem prejudicadas na sequência da reforma do IRS dá-se a opção de as contas serem feitas pelo regime mais favorável: ou o que está agora em vigor, ou o que resultará da reforma. Salvaguarda só vigora até 2017.
Fisco recebeu ilegalmente dados pessoais dos contribuintes
Inspecção da Comissão Nacional de Protecção de Dados detectou que a Autoridade Tributária estava a receber mais informações do que as necessárias para efeitos fiscais.

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro