facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

Compra e venda de casas: escrituras mais transparentes a partir de Novembro

As novas regras que obrigam à divulgação dos meios de pagamento usados na compra e venda de imóveis acabam de ser publicadas em Diário da República e entram em vigor no espaço de 90 dias.

contratodetrabalho

Noticia completa aqui.

in Jornal de Negócios | 21-08-2017

 

Relacionado: Lei n.º 89/2017, de 21 de agosto

 

Também com interesse
QUEM O AVISA... - RADARES MAIO 2017
QUEM O AVISA... A PSP informa que até final do mês de maio, irá efetuar ações de fiscalização rodoviária - RADAR nos seguintes locais...
Vendas com prejuízo. ASAE aplica coimas de 2,5 milhões e fica com competências da AdC
Novo diploma sobre práticas restritivas no comércio vai obrigar à renegociação de todos os contratos em 12 meses.
Advogados estagiários sem salário isentos de pagar à Caixa de Previdência
Ministério da Justiça esclarece que os estagiários que não tenham uma remuneração e sem actividade fiscal aberta não terão de pagar contribuições para as reformas dos 30 mil advoga
 Senhorios acusados de proporem aumentos ilegais
Esta situação está a penalizar, principalmente, os inquilinos mais idosos. A Associação de Inquilinos Lisbonenses acusa centenas de proprietários de proporem uma subida do valor de renda de forma ilegal. Em causa está a não apresentaç
Terrenos abandonados poderão ser arrendados compulsivamente pelo Estado
Executivo admite que Banco Público de Terras venha a arrendar 'à força' terrenos abandonados e gerir parcelas sem dono conhecido.
Psicólogos substituem juízes na audição a crianças vítimas de abuso
Novo método para ouvir menores decorre na comarca do Porto. Substituição de juízes "é ilegal", aponta magistrada.
Subida de salários no privado vai ser mais rápida
O Governo aprovou prazos mais rápidos para publicação das portarias de extensão que alargam a todo um sector de actividade aumentos salariais e outras condições de trabalho previstos em convençõ
Ministra faz depender estatutos das magistraturas de “realismo” salarial
“Não é possível nem fácil passar de salários de três mil para salários de 4224 euros ou de oito mil para dez mil euros — sem contar com outras compensações”, criticou Pau

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro