facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

Parlamento recomenda recuo do Governo na subconcessão dos transportes de Lisboa e Porto

parlamento

A Assembleia da República (AR) recomendou ao Governo que recue no processo de subconcessão das empresas de transporte público de Lisboa e do Porto lançado pelo Executivo de Passos Coelho, segundo dois diplomas publicados hoje no Diário da República.

Noticia completa aqui.

in Económico | 28-12-2015

Também com interesse
Procuradoria alerta para défice de magistrados no distrito de Lisboa
O número de magistrados do Ministério Público a exercer funções no distrito de Lisboa era de 445 a 30 de junho último, evidenciando um défice do quadro de "muito difícil resolução"
Trabalhadores do privado têm até hoje para recusar duodécimos
Quem quer receber subsídios de Natal e férias por inteiro tem até hoje para o indicar à entidade patronal, senão recebe metade em duodécimos.
Magistratura em guerra por causa dos juízes presidentes
A criação da figura do juiz presidente da comarca tem causado atritos entre magistrados. Um deles deixou várias críticas num artigo.
Estado pagou a maior indemnização a vítimas de crime violento
Comissão de Protecção às Vítimas de Crime pagou quase 70 mil euros à filha e ex-mulher de Manuel Palito. Em 2015, cada vítima de violência doméstica recebeu, em média, 1462 euros
Bruxelas prepara-se para acabar com as chamadas publicitárias sem consentimento
Bruxelas quer acabar com as chamadas telefónicas publicitárias sem o consentimento dos consumidores. A Comissão Europeia aprovou esta terça-feira nova legislação que visa reforçar a privacidade nas com
Estado paga 25 mil euros por cada sobreendividado encaminhado para a banca
A Rede de Apoio ao Cidadão Endividada (RACE), constituída actualmente por 22 entidades de direito público ou privado, já custou ao Estado 742.500 euros, em quatro anos. O saldo da actuação desta rede, criada
PGR afasta Cândida Almeida da liderança do DCIAP
Cândida Almeida termina a 8 de Março a sua comissão de serviço como directora do DCIAP, pondo fim a 12 anos no cargo.
Elina Fraga e Guilherme Figueiredo na 2.ª volta das eleições para Ordem dos Advogados
Os dois candidatos registaram votações próximas. A actual bastonária venceu com 40,8% dos votos expressos, contra os 36,8% do seu adversário. A segunda volta para eleger o bastonário da Ordem dos Advogados de

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro