facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

Provedor de Justiça quer melhorias no acesso a isenção de taxas moderadoras

Recomendação enviada ao ministro da Saúde sugere que a composição do agregado familiar conte para o cálculo da isenção de taxas moderadoras por insuficiência económica.

provedor justica

Noticia completa aqui.

in Público | 16-02-2017

 

Também com interesse
Alterações ao abono de família começam hoje. Famílias receberão mais
O aumento do abono de família nos 1.º, 2.º e 3.º escalões entra em vigor esta segunda-feira e tem como principais objetivos “o combate à pobreza, à exclusão social, às desigualdades e a
Criação do Tribunal Arbitral do Desporto publicada em Diário da República
A criação do Tribunal Arbitral do Desporto e a respetiva lei foram, esta sexta-feira, publicadas em Diário da República, embora esteja ainda dependente da fiscalização sucessiva do Tribunal Constitucional.
Número de presos em Portugal é dos que mais sobem na Europa
Mais presos, penas mais longas, menos investimento em cada preso: é o retrato do sistema prisional português traçado por relatório europeu.
Fisco coloca 2 mil funcionários no terreno para vigiar facturas
Operação do fisco, “sem precedentes” em Portugal, “visa garantir o cumprimento das obrigações de facturação pelas empresas e o reforço da eficácia do controlo do sistema e-factura”. Todos os sectores de actividade vão ser fiscalizado
Regras para transporte de passageiros flexíveis a partir de amanhã
As regras para transporte público de passageiros flexível (TPF), que "devem ser vistos como complementares e não concorrentes" de outros transportes, entram em vigor na sexta-feira, segundo o decreto-lei hoje publicado em Di&aa
Sindicato dos Magistrados pede 100 novos procuradores. Governo diz que não
Para evitar “rutura de quadros nos próximos anos”, o sindicato do Ministério Público pediu a criação de uma centena de novos procuradores. Mas o Governo esclarece que o Centro Estudos Judiciários
Governo aprova alteração à lei que proíbe vendas com prejuízos
O Governo aprovou esta quinta-feira a alteração à lei que proíbe vendas com prejuízo, clarificando o âmbito de aplicação do diploma e o método de apuramento das vendas com prejuízo.
A procuradora-geral da República disse hoje existir um "grave problema" de falta de magistrados do Ministério Público que só deverá ser colmatado depois de 2018, o que exige "muito sacrifício e muita capacida

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro