facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

Parlamento aprova hoje segundo Orçamento Rectificativo

parlamentoA maioria parlamentar PSD/CDS deverá aprovar hoje no parlamento, na discussão na generalidade, a proposta de lei que altera o Orçamento do Estado para 2013 pela segunda vez, depois de em Maio ter sido conhecido o primeiro Orçamento Rectificativo.

A proposta de lei que altera pela segunda vez o Orçamento do Estado deste ano foi apresentada a 15 de Outubro, em simultâneo com a entrega do orçamento para o próximo ano, na Assembleia da República.

O diploma aumentou os limites para a aplicação da taxa mínima de IRC - Imposto sobre o Rendimento de Pessoa Colectiva às empresas registadas na zona franca da Madeira.

Na proposta de alteração ao Orçamento do Estado para 2013, o Governo introduziu mudanças no Estatuto dos Benefícios Fiscais, subindo os limites máximos para que as empresas com sede no Centro Internacional de Negócios da Madeira possam beneficiar da taxa reduzida de 5% em sede de IRC.

Assim, a taxa reduzida de 5% prevista para as empresas licenciadas para operar na zona franca da Madeira apenas é aplicada a limites de matéria colectável, que são determinados em função do número de postos de trabalho criados, e que foram agora elevados.

Com o aumento dos limites introduzidos, as empresas que criem até dois postos de trabalho beneficiam da taxa de 5% relativamente à matéria colectável até aos 2,73 milhões de euros, aplicando-se a taxa normal à matéria colectável que exceda esse valor, por exemplo.

O primeiro Orçamento Rectificativo para 2013 tinha sido entregue em Maio, na sequência do chumbo do Tribunal Constitucional a várias normas inscritas no diploma, incluindo a suspensão dos subsídios de férias e de Natal para a função pública.

in SOL | 25-10-2013

Também com interesse
Funcionários públicos descontam mais para ADSE a partir de Agosto
Funcionários públicos no activo e reformados passam a descontar, a partir de 4ª-feira, 2,25% dos seus salários base para a ADSE.
Erro na contagem de votos altera resultados das eleições dos Advogados
Um erro na contagem dos votos nas eleições para bastonário da Ordem dos Advogados vai obrigar à alteração dos resultados já divulgados, confirmou o SOL. O candidato que ficou em segundo lugar na corrida do passado dia 29 de Novembro, o ainda p
2015 vai ter nove feriados e a possibilidade de três fins de semana prolongados
O calendário do próximo ano não contempla o regresso de nenhum dos feriados suprimidos. A boa notícia é que três feriados calham à sexta-feira. Veja e imprima o calendário feito pelo Observador.
Madeira adapta código com benefícios fiscais para investimentos até 2020
O Código Fiscal do Investimento da Região Autónoma da Madeira, hoje publicado no Diário da República, prevê a concessão de benefícios fiscais até 2020 para projectos a partir dos 500 mil
Arguidos que não queiram assinar acusados de desobediência
Supremo Tribunal de Justiça obriga suspeitos de falsificação de documentos a fazer prova da caligrafia em sede de inquérito. Se não o fizerem, podem ser condenados por desobediência.
Rendas deverão ficar congeladas em 2015
O valor das rendas deverá manter-se inalterado em 2015, após quatro anos de aumentos consecutivos, de acordo com os números da inflação dos últimos 12 meses até Agosto, hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).
Mediação familiar ainda não convence casais
São poucos os casais que recorrem à medição familiar para decidir o futuro dos filhos, evitando assim ir a julgamento no processo de regulação das responsabilidades parentais. Os casos que são acompanh
Critérios para despedir entram em vigor no dia 1 de junho
Avaliação de desempenho é o primeiro critério a ser observado pelas empresas na extinção de posto de trabalho.

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro