facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

Bombeiros voluntários que prestem serviço no verão isentos de IRS

bombeirosOs bombeiros voluntários que combatam incêndios  florestais no período de férias e descanso ficam, a partir de hoje, isentos  do pagamento de IRS sobre as compensações e subsídios que recebam, depois  de ter sido publicado em Diário de república.

Segundo o diploma, o IRS não incide sobre as compensações e subsídios,  referentes à actividade voluntária, postos à disposição dos bombeiros pela  Autoridade Nacional de Protecção Civil e pagos pelas respectivas entidades  detentoras de corpos de bombeiros, no âmbito do dispositivo especial de  combate a incêndios florestais e nos termos do respectivo enquadramento  legal. 

No dia 22 de maio, o secretário de Estado da Administração Interna disse  que isentar de IRS os bombeiros voluntários que durante o período de férias  e descanso façam parte do dispositivo de combate a incêndios florestais  resolve uma questão que durava há 22 anos. "Esta matéria está por resolver há 22 anos", disse então Filipe Lobo  DAvila, ao apresentar no Parlamento a proposta de lei do Governo que isentava  de IRS os bombeiros voluntários que prestem serviço durante o período de  férias e descanso no combate aos incêndios florestais no verão. 

Para o secretário de Estado, o diploma vai "clarificar as dúvidas que  têm existido nos últimos anos" e "reconhece o papel insubstituível dos bombeiros  voluntários".  

Na altura, a Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) considerou o diploma  "justo" e "vitória" para os bombeiros portugueses.

in Sic Noticias | 27-07-2013

Também com interesse
Alterações à renda apoiada entram em vigor em setembro
As alterações ao regime do arrendamento apoiado que visam "uma maior justiça social" entram em vigor a 01 de setembro, segundo o diploma hoje publicado em Diário da República.
Fisco cancelou benefícios de IRS e IRC a 21 mil contribuintes
Estão a ser retirados cada vez mais benefícios fiscais a contribuintes com dívidas ao Fisco e à Segurança Social. Em 2012 os números dispararam.
Funcionários públicos e do sector privado com as mesmas taxas de retenção de IRS em 2014
Este ano vai haver uma única tabela de retenção de IRS para os funcionários públicos e os trabalhadores do setor privado, uma vez que os funcionários públicos auferem este ano 14 salários, e não 13 como previsto inicialmente em 2013.
Ministra anuncia nova lei para SEF. Considera estrutura
A ministra da Administração Interna anunciou hoje uma nova lei orgânica e estatuto profissional para o SEF, considerando que a atual estrutura deste serviço de segurança é "muito pesada" e a gestão de p
Parlamento aprova projeto do PS sobre regime do nadador-salvador
O parlamento aprovou hoje, na generalidade, um projeto de lei do PS que altera o regime jurídico aplicável a nadadores-salvadores para permitir substituí-los por técnicos de natação em piscinas pública
Quem faz as leis deve ter em conta limites da Constituição
O professor catedrático da Universidade Nova de Lisboa José João Abrantes sustentou hoje que quem faz as leis deve ter em conta os limites da Constituição da República e os direitos fundamentais, que "n&ati
Supremo apreciou 124 pedidos de habeas corpus e concedeu seis
O Supremo Tribunal de Justiça (STJ), que hoje vai analisar o pedido de libertação imediata de José Sócrates apreciou o ano passado 124 pedidos de "habeas corpus", tendo concedido seis, segundo fonte deste tribunal s
Ordem dos agentes de execução quer alargamento da penhora eletrónica de certificados de aforro
O alargamento da penhora eletrónica aos certificados de aforro e a harmonização do IVA aplicado sobre os serviços jurídicos prestados aos cidadãos são duas das 57 recomendações aprovadas

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro