facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

GNR levanta mais de quatro mil contra-ordenações em dois dias

radar transitoNo âmbito da operação “Hermes - Viajar em Segurança”, que terminou à meia-noite de quinta-feira.

A GNR levantou mais de quatro mil contraordenações, das quais 250 muito graves, durante os dois dias da operação “Hermes - Viajar em Segurança”, que terminou na quinta-feira à meia-noite, indicou a corporação.

Segundo avançou à Lusa fonte da GNR, foram fiscalizados 12.725 condutores, tendo sido elaboradas 4.037 contraordenações, das quais 250 muitos graves e 1.541 graves.

Esta foi a terceira fase da "operação Hermes", que visa controlar os condutores nos períodos em que normalmente há regressos e idas de férias, como é o caso do final de Julho e início de Agosto.

A operação envolveu mais de 2.800 militares, que fizeram quase setenta mil controlos de veículos nas estradas de todo o país.

Nestas acções, os militares da GNR testaram 9.562 condutores para verificar os níveis de álcool no sangue, tendo verificado excessos em 169 e detido 54.

A maior parte dos registos foi, no entanto, provocada por excesso de velocidade, tendo sido contabilizados quase 1.300 condutores em velocidade exagerada.

Além disso, foram verificados 258 casos de falta de cinto de segurança ou cadeiras de crianças, além de 178 veículos sem inspeção, 156 condutores a usar o telemóvel e 106 sem seguro.

Mais de 30 dos condutores controlados não tinha carta de condução em dia, enquanto 32 veículos estavam com carga a mais e 16 com carga mal condicionada.

A operação “Hermes -Viajar em Segurança”, que se realiza entre 28 de Junho e 1 de Setembro, em cinco fases, compreende ainda mais duas fases, que vão decorrer a 14 e 15 de Agosto e de 30 de Agosto a 1 de Setembro.

in Público | 02-08-2013

Também com interesse
Saiba o que a sua operadora é obrigada a dizer-lhe quando fizer um contrato
A Anacom aprovou um novo regulamento para os contratos dos operadores de telecomunicações. A criação de uma ficha com informação simplificada é uma das novidades.
Processos para atribuição de vistos gold estão com atraso de três meses
Estrangeiros que queiram investir em Portugal estão a esperar mais do que o previsto para verem aprovado vistos gold. Isto depois de já terem investido o mínimo de 500 mil euros obrigatórios no país.
Aprovação de regras para Orçamento Participativo Portugal já publicadas
A aprovação de princípios técnicos, metodologia e regras de operacionalização do Orçamento Participativo Portugal (OPP) para este ano foram hoje publicadas em Diário da República (DR).
Bombeiros voluntários que prestem serviço no verão isentos de IRS
Os bombeiros voluntários que combatam incêndios  florestais no período de férias e descanso ficam, a partir de hoje, isentos  do pagamento de IRS sobre as compensações e subsídios que recebam, depois  de ter sido publicado em Di
Reformas do IRS e Fiscalidade Verde aprovadas
As reformas do IRS e da Fiscalidade Verde foram hoje aprovadas na globalidade pela Assembleia da República apenas com os votos favoráveis da maioria PSD/CDS-PP, contando com os votos contra de toda a oposição.
Governo quer eleitores bem informados sobre locais de voto
Secretário de Estado da Administração Interna considera que os eleitores devem saber qual o local exacto onde votam em tempo útil. Para tal, é importante a colaboração das Câmaras Municipais.
Há acordo na Concertação Social. Salário mínino aumenta para 557 euros
Os parceiros sociais acordaram esta quinta-feira o valor do Salário Mínimo Nacional para 557 euros em 2017.
Painel de Avaliação da Justiça na UE – 2016
Painel de Avaliação da Justiça na UE: Aprender uns com os outros para aumentar a eficácia dos sistemas judiciais nacionais.

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro