facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

Lei que obriga administrações de empresas públicas com 1/3 de mulheres publicada em DR

A lei que obriga a que a administração das empresas do setor público tenha pelo menos um terço de mulheres, a partir de janeiro de 2018, foi hoje publicada em Diário da República.

igualdade homens mulheres

Noticia completa aqui.

in Sapo 24 | 01-08-2017

 

Consulte a Lei aqui: Lei n.º 62/2017, de 1 de agosto

 

Também com interesse
 Direcção da PJ desmente que se guardem ficheiros secretos em casa
Associação Sindical dos Funcionários de Investigação Criminal afirma que elementos da Judiciária estão a guardar informação classificada em discos externos, devido a dificuldades no sistema informático.
Novas taxas são “assalto” a quem tem casa ou empresa junto a estradas nacionais
Autarcas da área Metropolitana do Porto pedem suspensão de portaria, de Outubro, que impõe por exemplo uma taxa anual de 200 euros por acesso a garagem de habitação particular.
Requalificação da Função Pública só chegou aos 10%
Escreve esta sexta-feira o jornal i que só 10% dos funcionários públicos foram efetivamente “requalificados”. Segundo esta publicação, dos quatro mil funcionários que foram para apenas 400 receberam formação.
Marcelo dá luz verde ao novo serviço de notificações eletrónicas
O Presidente da República promulgou hoje o diploma que autoriza o Governo a criar o serviço de notificações eletrónicas associado à morada única digital.
Parlamento aprova alteração a coimas por falta de pagamento de portagens
O parlamento aprovou hoje os diplomas da maioria PSD/CDS-PP e do PS para a alteração do regime de sanções aplicáveis a quem não pagou portagens nas antigas vias sem custos para o utilizador (ex-Scut).
Regulador da energia quer mais transparência nos contratos da luz e gás
A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) quer que os comercializadores de electricidade e gás natural tornem claras as regras para os consumidores no que toca a períodos de fidelização e meios de pagamento.
Menos crimes informáticos em 2016, mas mais burlas e extorsões online
A Guarda Nacional Republicana registou menos crimes informáticos em 2016, mas observou um aumento de outros crimes que utilizam a internet para burlar ou extorquir alguém, anunciou hoje a GNR.
Ministra responsabiliza sindicato por falta de funcionários nos tribunais
Paula Teixeira da Cruz disse que uma acção interposta por um sindicato suspendeu um concurso para 400 novos funcionários em 2007. Mas o Sindicato dos Oficiais de Justiça recorda que o concurso não foi suspenso e os

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro