facebookrssyoutubetwitter

INFOJUS

LEGISLAÇÃO

ÚTIL

Noticias

Ministério da Justiça vende casas de juízes por 3,2 milhões

min justicaO Ministério da Justiça (MJ) vai vender em hasta pública, entre 24 e 27 de junho, 44 casas destinadas a magistrados, pretendendo o Estado arrecadar 3,2 milhões de euros, disse hoje à agência Lusa fonte do MJ.

Este é a segunda vez que o ministério coloca à venda as chamadas “casas de função”, usadas para acolher os juízes deslocados da área de residência, mas que se encontram desabitadas por estes preferirem receber o subsídio de compensação.

As 44 “casas de função” que vão a hasta pública na próxima semana encontram-se em vários pontos do país.

Em dezembro último, o MJ vendeu em hasta pública 25 casas de juízes e conseguiu arrecadar 1,7 milhões de euros, adiantou a mesma fonte.

A venda destas casas é uma tentativa do ministério de Paula Teixeira da Cruz “rentabilizar ao máximo o seu património”.

A mesma fonte acrescentou também que o MJ pretende em setembro vender em hasta pública um outro lote de “casas de função”.

O Ministério da Justiça pretende investir parte do dinheiro obtido na venda das casas dos magistrados nos estabelecimentos prisionais, designadamente nas antigas oficinas e em explorações agrícolas.

Neste momento, o MJ tem mais de 300 habitações devolutas e outras 600 arrendadas a baixo preço, estas casas eram atribuídas a funcionários do MJ, sobretudo guardas prisionais, que também optaram por receber o subsídio de compensação.

in Noticias ao Minuto | 20-06-2013

Também com interesse
Ministra da Justiça promete revitalização de algumas cadeias
A ministra da Justiça alertou este sábado para a degradação do parque penitenciário português, que considera necessitar de “intervenções urgentes”, prometendo a revitalizaç&ati
Juízes alegam inconstitucionalidade da Lei do Sistema Judiciário junto do Provedor de Justiça
A Associação Sindical dos Juízes Portugueses (ASJP) pediu hoje ao Provedor de Justiça que suscite a fiscalização da constitucionalidade de algumas normas da Lei de Organização do Sistema Judici&
Há cada vez mais pessoas declaradas incapazes
Entre 2013 e 2015, pedidos de ações de interdição aumentaram 35%. Demências, deficiências mentais e esquizofrenia explicam maioria dos processos.
Mexidas na lista dos paraísos fiscais passam a precisar de parecer do Fisco
Marcelo Rebelo de Sousa aprovou o diploma apresentado pelo PCP em reação à decisão do Governo de retirar o Uruguai e os territórios britânicos de Jersey e da Ilha de Man da lista negra do Fisco.
Pessoas singulares vão poder criar e gerir universidades privadas no país
Alteração consta da proposta de Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior que o Governo está a discutir com parceiros.
Notários recusam fazer inventários por 100 euros
A nova lei que transfere dos tribunais para os cartórios notariais a competência para elaborar processos de inventário e partilha de bens, em casos de herança ou divórcio, entra em vigor na próxima segunda-feira. Muitos notários, porém, prome
Escritórios e lojas obrigados a ter ficha técnica do imóvel
Antes de entrarem no mercado imobiliário, os prédios sujeitos a obras vão ter de possuir uma ficha técnica com toda a informação necessária a quem esteja interessado em adquirir ou arrendar.
Ministra da Justiça contra
A ministra da Justiça defendeu hoje a autonomia e a independência da Polícia Judiciária (PJ), demarcando-se de "tentações perversas" de fusão das diversas forças policiais.

collex debates discursos lexpoint vida economicaupt parceiro